Edição 100
10 Anos
Revista do Avisite
Revista do Ovo
Encartes Especiais
Aplicativos
Notícias
Clippings
Informativo Semanal
Informativo Diário
AviGuia
AviSite
OvoSite
Links
Trabalhos Técnicos
Vídeos
Agenda
Cobertura
Legislação
Banco de Currículos
Classificados
Relatórios
Busca Avançada
Contato
Publicidades
Patrocinadores
Assine já
Sexta-feira, 15/12/2017
Siga-nos:
CLIPPINGS
Categoria: Eventos e Cursos

Porto Alegre, 06/12/2017 |

Avanço de status sanitário: Plano de ação tem prioridades definidas



Terminou nesta terça-feira, 5 de dezembro, o Seminário de Elaboração do Plano Estratégico de Avanço da Condição Sanitária em Febre Aftosa do RS, realizado em Porto Alegre. O evento, organizado pela Secretaria da Agricultura com o apoio do Fundesa, teve a coordenação da Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão. Mais de vinte entidades foram representadas e discutiram ao longo de dois dias de trabalho a organização de metas para a evolução do status sanitário gaúcho.

A metodologia utilizada permitiu a elaboração de dezenas de ações e etapas para alcançar oito objetivos que vão desde educação sanitária até fortalecimento da vigilância, passando por medidas de prevenção e capacitação de técnicos privados e do serviço veterinário oficial. Conforme o chefe do Departamento de Saúde Animal da Seapi, Marcelo Göcks, “a partir de agora os objetivos, ações e etapas definidos no Plano serão avaliados para implementação”. Segundo ele, as entidades farão parte de todo o processo. Nos próximos dias a equipe da Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão irá encaminhar um relatório com a organização de todas as atividades realizadas ao longo dos dias de seminário.

Um dos representantes do Fundesa no encontro, Pedro Píffero, garantiu ser fundamental a inclusão do produtor nesta discussão e mostrar as responsabilidades de cada um no plano. “Participamos nesta etapa e devemos estar atentos daqui para a frente, para quando o plano for implementado o produtor já se sinta parte dele”, concluiu.

Conforme a coordenadora do programa de Combate a Aftosa no RS, Grazziane Rigon, o RS já tem muitas etapas para o cumprimento do calendário nacional de erradicação da febre aftosa em andamento. “Com o plano, teremos o envolvimento das entidades e prazos a serem cumpridos. Todos querem ver o estado crescer, por isso estamos confiantes em um trabalho positivo”.



Fonte: Fundesa
Autor: Assessoria de Imprensa



Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!




CLIPPINGS MAIS LIDOS
5 dias
30 dias
ÚLTIMOS CLIPPINGS











NOSSOS PARCEIROS
REVISTA ONLINE
Receba as melhores informações sobre avicultura por e-mail.
Nome:
E-mail: